Torre da Marinha

Portugal



Address:
Praceta Francisco Adolfo Coelho
Seixal
2840-409 Seixal
Phone: 21 227 62 90
Fax: 21 227 63 40
Website: www.cm-seixal.pt

Ecomuseu Seixal

O EMS é uma entidade permanente da estrutura orgânica da Câmara Municipal do Seixal que tem por missão investigar, conservar, documentar, interpretar, valorizar e difundir testemunhos do Homem e do meio, reportados ao território e à população do Concelho, com vista a contribuir para a construção e a transmissão das memórias colectivas e para um desenvolvimento local sustentável.

É um ecomuseu polinucleado.

Conheça-nos através deste site e utilize os nossos serviços públicos.
Visite-nos no Concelho do Seixal.A Câmara Municipal do Seixal criou e abriu ao público o Museu Municipal do Seixal em 1982, com a sua instalação na Torre da Marinha. Denominando-o por Ecomuseu desde 1983, a tutela assumiu como linhas estruturantes da sua programação museológica a actividade referente ao território concelhio, a conservação dinâmica do património, sempre que possível in situ e a interacção com formas de participação da população/das comunidades na vida municipal.

O alargamento territorial e o aprofundamento da estrutura orgânica e funcional do EMS foram marcantes a partir de finais de 1996. As modificações e expansão das suas actividades, nomeadamente nos campos da investigação, da documentação e da conservação, colocaram na ordem do dia uma reprogramação museológica.

As actuais linhas de trabalho para a qualificação e o desenvolvimento dos recursos integrados no EMS foram aprovadas pela Câmara Municipal do Seixal em 2001, no documento programático de base intitulado Programa de Qualificação e de Desenvolvimento do EMS.

Territorialmente, o EMS integr... [ Read all ]


Exhibitions

O acervo do EMS é constituído por património cultural imóvel, por património flutuante e por bens móveis - colecções arqueológicas, técnicas e industriais, artísticas e etnográficas e fundos documentais - na sua maioria provenientes do território do concelho.

Para além do acervo material, o Ecomuseu dinamiza um importante património imaterial ou incorpóreo, ao contribuir para a preservação e a transmissão de saber-fazer materializado no trabalho e nas actividades de moagem, de construção naval e de navegação tradicional, decorrentes de componentes como o moinho de maré conservado em funcionamento, a oficina de construção de modelos de barcos tradicionais do Tejo, os dois botes de fragata e o varino reutilizados como embarcações de recreio.

O EMS possui registo de entrada ou cadastro de perto de uma centena de milhar de objectos, dos quais ainda só uma percentagem reduzida têm um inventário desenvolvido, em suporte digital.

O alargamento do acervo do EMS dos últimos anos e as exigências duma gestão integrada de toda a informação gerada pelos processos de documentação, investigação e difusão dos bens museológicos, levaram à adopção recente do software documental Mobydoc - bases Micromusée e Mobytext .

Decorrendo quer os preparativos necessários à transferência de informação da anterior base de dados utilizada, quer o inventário e carregamento de novos dados, o EMS tem por objectivo disponibilizar neste site a informação sobre todo o seu acervo inventariado, num futuro tão próximo quanto possível.

Condicionada pelos espaços e pelas especificidades do trabalho museológico do EMS, a exibição e divul...+ [ Read all ]


Previous Exhibitions

A Indústria Corticeira na Actualidade
Com a participação de algumas das principais firmas industriais corticeiras do nosso país, esta exposição temporária ilustra a importância e a multiplicidade de produtos e aplicações resultantes desta indústria, interrelacionada com a sustentabilidade da produção de cortiça e com o papel da investigação e da inovação tecnológica nesses sectores.

Horários: 3.ª a 6.ª feira, das 9h às 12h e das 14h às 17h / Sábados e domingos, das 14h às 17h / Encerramento: 2.ªs feiras e feriados nacionais
Exposição temporária

Joaquim Vieira Natividade, uma vida com a cortiça (1899-1968)
Evocando e homenageando aquele que é considerado o fundador da subericultura científica, esta exposição tem por principal objectivo proporcionar um conhecimento geral das três décadas de labor de Joaquim Vieira Natividade e valorizar o seu incontornável legado na área do sobreiro e da cortiça.

Horários: 3.ª a 6.ª feira, das 9h às 12h e das 14h às 17h / Sábados e domingos, das 14h às 17h / Encerramento: 2.ªs feiras e feriados nacionais
De Abril a 14 de Outubro de 2007

Com os homens do aço. Jornada memória no Alto Forno da Siderurgia Nacional
A ideia da exposição temporária "Com os homens do aço. Jornada memória no Alto Forno da Siderurgia Nacional" surgiu entre 1999 e 2001, durante o trabalho de levantamento e inventário do património industrial da Siderurgia Nacional - Empresa de Serviços SA. Medição da temperatura da gusa no Alto Forno Recolocação do conjunto de insuflação do Alto Forno Siderurgia Nacional vista do cimo do Alto Forno Início de uma sangria no Alto For...+ [ Read all ]












Museum internal and external photos (1)

Click on the images to enlarge



News and events

Igreja Paroquial de Nossa Senhora da Consolação de Arrentela
Não há qualquer certeza quanto à época de edificação da Igreja Paroquial de Arrentela, pois já no Séc. XV era assinalada, neste local, a existência da Ermida de Santa Maria. A actual capela-mor indicia remontar ao Período Manuelino - Séc. XVI. No entanto, a construção da nave denota influências do Período Barroco (Séc. XVIII), com alguns elementos ao gosto do Período Maneirista.
Ecomuseu
06/03/2008
Desenvolvimento


Exposição Itinerante "Moinhos de Maré do Ocidente Europeu" apresentada em Bordéus e na Andaluzia
A exposição "Moinhos de Maré do Ocidente Europeu", produzida no âmbito do projecto "Moinhos de Maré do Ocidente Europeu: valorização do património cultural e natural como recurso de desenvolvimento", coordenado pelo Ecomuseu Municipal do Seixal e desenvolvido com o apoio do Programa Cultura 2000 da Comissão Europeia, tem estado em circulação pela Europa, tendo recebido até ao momento cerca de 45 000 visitantes.
Ecomuseu
06/03/2008
Desenvolvimento



Museus sobre temática marítima
No dia 28 de Fevereiro, o EMS promove uma jornada de trabalho destinada a técnicos de museus sobre temática marítima oriundos de todo o país, com o objectivo de activar linhas de trabalho e de cooperação em rede em torno da cultura e do património marítimos.
Ecomuseu
15/02/2008
Desenvolvimento



Seminário: "Interculturalidade - Museus e diálogo entre culturas"
O GAM (Grupo para a Acessibilidade nos Museus), organiza no dia 10 de Março de 2008, segunda-feira, no auditório do Museu das Comunicações em Lisboa, o seu terceiro...+ [ Read all ]


FAQ's

Quem gere e quem financia o Ecomuseu Municipal?
Articulando o seu enquadramento na estrutura orgânica da Câmara Municipal do Seixal com as suas atribuições funcionais enquanto entidade museológica, o EMS é gerido pelos responsáveis pela tutela e pelos responsáveis pela orientação técnica e científica dos serviços. O seu funcionamento e os seus projectos decorrem da dotação financeira da CMS, pontualmente apoiada por entidades exteriores ou por fundos comunitários, mediante candidaturas específicas.

Para visitar o Ecomuseu onde nos devemos dirigir? As visitas são pagas?
Actualmente, podem ser directamente visitáveis, gratuitamente e nos horários respectivamente indicados neste site, os Núcleos Sede, Naval e da Mundet. Para utilizar as embarcações ou para efectuar visitas aos outros núcleos e às extensões do EMS tem de contactar o SE ou inscrever-se nas actividades divulgadas trimestralmente e que incluam esses espaços e recursos. Os passeios nas embarcações tradicionais estão sujeitos a um regulamento que prevê casos de pagamento e outros gratuitos.

Quando foi criado o Ecomuseu Municipal do Seixal?
Realmente, apesar de só a partir de 1983 se designar por Ecomuseu, este é resultante da evolução da entidade, criada em 1982 pela Câmara Municipal do Seixal, com a designação de Museu Municipal do Seixal. Assim, em 2002, o EMS completou 20 anos de actividade.

Em que se baseia essencialmente a designação de Ecomuseu?
Baseia-se nos princípios programáticos e de funcionamento inerentes a um território de referência, que é o concelho do Seixal, através de um processo de conservação dinâmica do património cultural e nat...+ [ Read all ]


Education

O Serviço Educativo do EMS encontra-se sediado no Núcleo Sede, prevendo-se a sua instalação no Núcleo da Mundet a partir de 2005.

Ao Serviço Educativo cabe um papel de interface do EMS com os públicos e os utilizadores, através das seguintes atribuições essenciais:
promover a acção cultural do Ecomuseu e gerir a comunicação com os públicos e os utilizadores centrada nos seus núcleos e extensões museológicos, assim como noutros recursos patrimoniais do seu território de referência;
interpretar e difundir o património cultural e paisagístico do Concelho e o acervo do Ecomuseu;
desenvolver Programas de Iniciativas no âmbito da educação patrimonial, com actividades destinadas a diferentes públicos-alvo – públicos escolares dos vários níveis curriculares e/ou de projectos; grupos organizados e visitantes autónomos; públicos infantis, juvenis e adultos;
avaliar e aprofundar a interacção com públicos-alvo privilegiados, nomeadamente com públicos escolares.

Através do Serviço Educativo é regularmente proporcionada aos diferentes públicos do EMS uma considerável diversidade de actividades e de recursos, nomeadamente os que são divulgados e/ou calendarizados em atendimento e recursos e em iniciativas-incrições.

Consulte o nosso Programa de Iniciativas:

Ateliês
Passeios
Visitas temáticas


Membership

Todos aqueles que individual ou colectivamente contribuíram para o enriquecimento do acervo do EMS, que lhe dedicaram um esforço continuado ou uma participação voluntária nalguma das suas actividades, merecem um reconhecimento e um tratamento institucional específico.

Para além de receberem trimestralmente o Ecomuseu Informação, os amigos e doadores do EMS são convidados para a inauguração de todas as nossas exposições e algumas iniciativas de extensão cultural e recebem pelo correio os nossos folhetos de divulgação.

Este grupo informal, abrangendo mais de uma centena de pessoas, não exclusivamente do concelho, com uma constituição bastante heterogénea, do ponto de vista profissional e etário, sendo seu principal traço comum o interesse e/ou envolvimento em projectos do EMS, na salvaguarda e valorização do património local e regional e na construção das memórias colectivas.

A lista de amigos e doadores é actualizada permanentemente pelos nossos serviços.

Vários museus, em Portugal e em todo o mundo, contam com grupos ou associações de amigos instituídos, com actividade relacionada com os acervos e missões desses museus. Se estiver interessado sobre o tema, contacte-nos ou envie-nos sugestões.