Brasilia

Brazil




Website: http://www.descobriregipt

Museu De M. M. Khalil

Um dos mais impressionantes museus do Cairo que vale a pena visitar é, sem dúvida, o Museu do Sr. & Sra Mohamad Mahmoud Khalil localizado na avenida de Mourad (Gizé) perto do centro da cidade. É um único lugar de grandeprestígio onde se exibem variedades de obras imponentes colectadas durante quarenta anos por M. Mahmoud Khalil e a sua esposa, graças a alta formação e o sublime gosto pela arte do dito estimado e culto casal. Na realidade, M. Mahmoud Khalil era uma figura muito conhecida na sociedade egípcia, pois assumiu o cargo de presidente do Parlamento Egípcio de 1938 a 1943. Além disso, foi, de facto, um casal ideal obsecado pelo grande gosto das artes. Corria incessantemente atrás as obras únicas e valiosas, venerando a beleza onde queria, visitando a muitas galerias, exposições e salões para buscarem e adquirirem os trabalhos e peças genuínas. Isto foi, de facto, um tipo de paixão acerca das obras de arte por um casal que entre o rol das suas virtudes se sobressaem a valorização e a exaltação do sentido estético das obras e a apreciacão do talento humano. Quando faleceu o marido em 1954, o seu palácio estava pleno de grande quantidade de variadas obras. Posteriormente, a viúva francesa Emiline com amor e lealdade à memória do marido, deixou um testamento escrito em que doara a sua própria casa inclusive a móbilia e as antiguidades valiosas ao Ministério de Cultura, solicitando a transformação do lar luxuoso em um museu internacional sob o nome do Casal Mohamad Mahmoud Khalil. Em 1960 o ministério de culturarealizou aquele desejo e em 1962 publicou-se o primeiro guia do museu que catalogou a posse e os bens do pequeno palácio.... [ Read all ]


Permanent Collection

Ao passar pela entrada o visitante chega ao andar do chão, que além de um corredor espaçoso e duas escadas situadas em ambos os cantos, contém umas salas e escritórios da administração. Na sala (1) localizadarelativamente em frente á entrada do museu se encontra uma estátua muito característica de bronze chamada de Apelo Às Armas (La Appeal Aux Armaes) feita pelo escultor Ridam August (1840-1917). Nesta sala também há vasos de cerâmica e porcelana datados dos séculos XVII, XVIII, e XIX. Ao dirigir-se ao lado direito chega-se a uma sala (2) que exibe um conjunto de objectos; no meio, relativamente, se encontram três peças de escultura colocadas sobre uma mesa de mármore feitas pelo escultor francês Charels H. Joseph (1837-1905), a primeira (à direita) representa um busto de bronze de uma mulher de rostos orientais árabes, a segunda estátua -no centro- representa o violista velho feita de barro cozido, enquanto a terceira -à esquerda- representa um busto de bronze de um homem idoso com aspectos faciais árabes nomeadamente cairotas ( da cidade do Cairo). Na mesma sala existem pinturas de óleo sobre tela e sobre madeira coladas na parede; ao lado direito se encontra um painel de óleo sobre tela chamado “ Pastorícia do Cabral nos Alpes” do italiano Maniere de Segantini.


Exhibitions

Também se encontra uma pintura do artista francês Utrillo Maurice (1882-1955) conhecida como “ A Rua de Royale em París” Ao outro lado da parede direita se encontra uma pintura de Paul Gaugin (1848-1903) entitulada “Cena das Ilhas de Domínicas” Scene a la Dominque). Agora, ao sair desta sala, voltando a primeira sala, que é bastante espaçosa (3) e que contém um conjunto de peças de arte, ali, na realidade chama a atenção o busto de bronze que representa o ilustre líder político nacional Saad Zaghlol, um dos mais importantes símbolos patrióticos da nação egípcia que desempenhou um grande papel nos acontecimentos políticos durante o primeiro tércio do século XX. Este busto característico do líder egípcio foi feito pelo escultor Yourievitch. Também ali se encontra o retrato do fundador do museu M. Mamoud Khalil, executado por Gabriel Biessy (1845-1935). Além de um enorme tapete exposto na parede esquerda, feito na Bélgica e datada do século XVII há um conjunto de vasos e ânforas de materiais diferentes. O visitante pode contemplar na beleza e perfeição da ânfora fantástica de vidro que data do século 1 a.C. Voltando ao corredor onde se encontram duas escadas de pedra; uma ao lado direito e outra ao lado esquerdo, antes de subir os degraus que dirigem ao segundo andar, ao canto esquerdo se pode ver o piano da espsoa, e ao lado do piano se pode entrar uma pequena sala (4) onde se exibem umas obras de óleo. O primeiro quadro é um retrato da princesa belíssima de Wagram (Princesse de Wagram ), pintado por Winterhalter. Também o visitante pode ficar momentos de contemplação e admiração adiante do sorriso encantador da Beduina (B...+ [ Read all ]












Museum internal and external photos (1)

Click on the images to enlarge



News and events

Quando me surgiu a ideia de lançar um site redigido em ‎português que trata dos monumentos e os sítios ‎arqueológicos do Egipto, havia um desafio de uma espécie particular. O estímulo era grande, pois é ‎‎um tema importantíssimo, tem a ver com o ‎carácter ‎nacional e profissional. O objectivo fundamental do ‎meu ‎trabalho é apresentar um web-Site caracterizado ‎pela informação precisa e de confiança, realizado por um ‎egípcio nativo, ‎qualificado na carreira profissional, sem ir atrás da ‎carneirada, e que compense entre a visão científica e as informações ‎básicas pedidas ‎pelos interessados, turistas e visitantes da ‎nossa ‎Terra. Espero que este trabalho satisfaça, pelo menos em parte, a todos os que se interessam pelos horizontes mágicos do mundo egípcio.


Education

Sou Emad Khalifa, de nacionalidade egípcia, Guia e desenhador de viagens no ‎Egipto que tenho trabalhado no turismo há quase 12 anos. ‎Licenciado pela Faculdade de Letras, Universidade do Cairo 1992, e ‎consegui o certificado do Curso Mestrado da Faculdade de Letras ‎em 1998. Diploma de Língua portuguesa da Faculdade de Letras, ‎Universidade de Lisboa 2000. Diploma do Curso Anual de Língua ‎e Cultura Portuguesa Para Estrangeiros, Faculdade de Letras, ‎Universidade de Coimbra 2001. Diploma de posgraduação da ‎Faculdade de Turismo, departamento de Orientação Turística, ‎Universidade de Helwan (o Egipto). Actual investigador de ‎egiptologia e estudante do Curso de Mestrado da Fac. de Turismo, ‎Universidade de Helwan.