RS

Brazil



Address:
Rua dos Andradas, 230
Porto Alegre - RS
Phone: (51) 3227-5196
Website: http://www.museudotrabalh

Museu Do Trabalho

Fundado em 7 de dezembro de 1982, o Museu do Trabalho fazia parte de um amplo projeto de preservação e restauração da antiga Usina do Gasômetro, então abandonada pela Eletrobrás.

Com o objetivo de evitar a demolição do prédio, um grupo de estudantes e professores da PUCRS - Pontifícia Universidade Católica do RGS, liderados pelo sociólogo Marcos Flávio Soares, iniciou um amplo debate público sobre o destino da Usina. Graças a esta ação em 1983 o prédio foi tombado como Patrimonio Histórico do Estado.

.
O projeto inicial de ocupação da Usina do Gasômetro não pôde ser implantado e o Museu do Trabalho ficou instalado na sua sede provisória, nos galpões situados no início da Rua da Praia, de propriedade da Marinha do Brasil, onde está até hoje.

Apesar disto o museu seguiu estruturando-se e em 1986 já contava com um numeroso acervo de máquinas, instrumentos, filmes, fotos e documentos referentes ao trabalho e à sua história social.

Com uma sede e um acervo constituído, o museu, que não recebe verbas públicas por tratar-se de uma entidade civil, buscou mecanismos que gerassem recursos próprios para sua manutenção e crescimento. Começa então a nascer um novo espaço cultural para a cidade.

Em 1987 em um dos galpões anexos ao museu, montou-se o Teatro do Museu do Trabalho. Sua primeira experiência de sucesso foi com a Cia. Teatro Novo, de Ronald Radde, parceria que durou 10 anos.

Nos outros galpões, houve o remanejo da exposição de máquinas e instrumentos de trabalho para a implantação de um atelier de artes plásticas, específicamen... [ Read all ]


Permanent Collection

O setor de Artes Plásticas do museu compreende a Sala de Exposições, as Oficinas e os Consórcios de Gravuras e Esculturas.












Museum internal and external photos (1)

Click on the images to enlarge



News and events

Arquivo Leopoldis-Som

Adquirido em dezembro de 1986 pelo Diretor do Museu do Trabalho, Marcos Flávio Soares, constitui-se de mais de 2 mil filmes que pertenciam ao acervo da extinta Cinegráfica Leopoldis-Som que cessou suas atividades em 1974, em face da concorrência feita pela TV.

São documentários e noticiários veiculando eventos sociais, econômicos e políticos do Rio Grande do Sul, especialmente referentes aos anos 50 e 60. Constam ainda no acervo longas metragens protagonizados por Teixeirinha, de singular importância para o cinema Gaúcho.

Recentemente o Museu do Trabalho e a Televisão Gaúcha S/A assinaram um Contrato de Cooperação, com a finalidade de preservar e divulgar as imagens deste importante patrimônio do povo gaúcho. Contrato que publicamos a seguir.


CONTRATO DE COOPERAÇÃO CULTURAL, GESTÃO DE ACERVO DE FILMES E OUTRAS AVENÇAS.

TELEVISÃO GAÚCHA S/A., pessoa jurídica de direito privado, com sede nesta Capital, na Av. Érico Verissimo, nº 400, inscrita no CGC/MF sob n.92.735.877/0001-49, por seu representante legal; e

MUSEU DO TRABALHO, associação civil com sede nesta Capital à Rua dos Andradas, nº 230, inscrita no CGC/MF nº 88.642.368/0001-02, neste ato representado por Marcos Flávio Soares, na forma do seu estatuto social,

considerando que o MUSEU DO TRABALHO se declara, sob as penas da lei, legitimo titular dos direitos sobre o acervo de filmes objeto desta avença, vêm celebrar o presente CONTRATO DE COOPERAÇÃO CULTURAL, GESTÃO DE ACERVO DE FILMES E OUTRAS AVENÇAS, de acordo com as cláusulas e condições seguintes:

CLÁUSULA PRIMEIRA: As partes acordam pelo presente contrato em estabelecer inici...+ [ Read all ]